Bisping não garante retorno contra Romero: ‘Quero dinheiro’

O campeão dos médios do UFC, Michael Bisping, ainda se recupera de grave lesão, mas já está de olho em seu próximo adversário

O campeão dos médios do UFC, Michael Bisping, ainda se recupera de grave lesão, mas já está de olho em seu próximo adversário. Apesar de Yoel Romero ter conquistado o direito de enfrentá-lo após vitória fulminante sobre Chris Weidman, o britânico não garante seu retorno às competições contra o cubano. Primeiro, porque ainda precisará de outra cirurgia no joelho, e depois porque não sabe se Romero tem capacidade de atrair vendas de pay-per-view.

“Eu quero as maiores lutas possíveis. Já lutei contra caras duros durante toda minha carreira. E por maior, quero dizer a luta que mais gerar dinheiro. Eu acho que mereci pensar assim. Eu conquistei esse direito. Então, se é Yoel Romero, ótimo. Se for Anderson Silva, também. Se for GSP…eu sou o campeão do mundo e quero qualquer desafio, mas quero também a maior luta possível”, comentou Bisping, em entrevista ao site norte-americano “Champions.co”.

O interesse de Michael Bisping em lutas que gerem dinheiro é antigo. Antes de fazer a primeira defesa do seu título contra Dan Henderson, o campeão tentou acertar um duelo contra Georges St. Pierre. Depois de vencer Hendo, o “Conde” também especulou um combate contra Tyron Woodley, atual dono do cinturão meio-médio.

Bisping disse que quer lutas interessantes financeiramente