Bottas crê em “questão de tempo” para que Williams volte a vencer na Fórmula 1

Apesar de ser o terceiro time mais vencedor na história da F1 (atrás apenas de Ferrari e McLaren), a Williams não vence um GP desde 2012

Apesar de ser o terceiro time mais vencedor na história da F1 (atrás apenas de Ferrari e McLaren), a Williams não vence um GP desde 2012, quando Pastor Maldonado tiunfou no eletrizante GP da Espanha daquele ano. Mas para Valtteri Bottas, que deixa a equipe de Grove para correr pela Mercedes em 2017, é apenas uma questão de tempo para que o time de Sir Frank volte a subir no lugar mais alto do pódio.

– Tive uma curva de aprendizado muito grande, assim como time. A cada ano, dava para sentir que o time ficava mais profissional. As coisas estão melhorando, ainda que os resultados às vezes não mostrem isso. A Williams já ganhou muitos campeonatos, então não há razão para não ganharem novamente. Eu creio que seja apenas uma questão de tempo. Foi uma pena não ter conquistado minha primeira vitória lá – ou até o título, mas eu desejo todo o sucesso para todos na Williams.

Espero que conquistem o campeonato em breve – afirmou em um vídeo no Twitter.

Bottas foi o terceiro piloto com o maior número de GPs pelo time britânico, com 77 corrida disputadas, atrás apenas de Nigel Mansell, Ralf Schumacher e Riccardo Patrese. Ao todo, a passagem do finlandês pela escuderia resultou em nove pódios e 411 pontos conquistados. O finlandês, de 27 anos, foi contratado pela escuderia alemã, no início de janeiro, para cobrir a lacuna deixada por Nico Rosberg, que se aposentou cinco dias após ganhar seu primeiro título na F1.

Atualmente na Mercedes, finlandês elogia equipe por qual correu longo de quatro temporadas