Borja deve estrear pelo Palmeiras contra Red Bull Brasil

Atacante colombiano será inscrito no Estadual na vaga do meio-campista Moisés

Regularizado na CBF, o atacante colombiano Miguel Borja deve fazer a estreia pela Palmeiras em Campinas, no dia 3 de março. A partida contra o Red Bull Brasil, pelo Campeonato Paulista, é o provável primeiro jogo de reforço pela equipe, pois, com a lesão do meia Moisés, a contratação mais cara da história do clube é quem deve herdar a vaga e ser inscrito no Estadual.

O jogador trazido por R$ 33 milhões tem treinado com o elenco há cerca de duas semanas e tinha a estreia aguardada somente para a Copa Libertadores. A previsão deve ser antecipada. Como Moisés teve os ligamentos do joelho rompidos e ficará pelo menos seis meses fora, o Palmeiras vai fazer uma troca na lista dos 28 relacionados para o Campeonato Paulista e conseguirá inscrever o atacante.

O procedimento para concretizar essa alteração consistirá no envio à Federação Paulista de Futebol (FPF) de um laudo médico para comprovar a gravidade da lesão de Moisés. Só é permitido fazer a troca caso o tempo de recuperação comprove que o atleta machucado só terá condições de voltar atuar somente depois do fim do Estadual, em maio, o que é o caso do palmeirense.

Borja tem aprimorado a parte física nos últimos treinos e recebeu elogios do técnico Eduardo Baptista pela força e poder de finalização. O atacante foi bem recebido pelo elenco e convive com mais proximidade com dois antigos conhecidos, o zagueiro Yerry Mina, de quem é colega na seleção colombiana, e o meia Guerra, ex-companheiro de Atlético Nacional.

O colombiano deve ser apresentado pela diretoria na próxima semana. O contrato dele é válido por cinco temporadas. A partida com o Red Bull Brasil, inclusive, antecede a estreia do Palmeiras na Copa Libertadores, marcada para o dia 8 de março, fora de casa.

A saída do atacante Lucas Barrios para o Grêmio, concretizada nesta quarta-feira, vai abrir outra vaga no Palmeiras para a disputa do Estadual. A alteração, porém, deve ser somente para a segunda fase da competição, marcada para começar em abril. Quem disputa a presença nessa nova lista são dois jogadores que ficaram fora da primeira relação: o volante Arouca, em tratamento de lesão, e o meia Hyoran, em trabalho de recondicionamento físico.

SP – Sao Paulo – 17/02/2017 – Treino do Palmeiras – Borja e Thiago Santos durante treino no CT Academia de Futebol. Foto: Ale Cabral/AGIF