Sandro Rosell, ex-presidente do Barça, é preso por lavagem de dinheiro envolvendo a CBF

Cartola espanhol foi detido hoje (23) numa operação chamada Jules Rimet

Sandro Rosell, ex-presidente do Barcelona FC, foi preso na manhã desta terça-feira (23),  durante a operação Jules Rimet, da polícia espanhola; que investiga lavagem de dinheiro.

O cartola está sendo investigado nos EUA por seu envolvimento com contratos da Nike e a CBF. O FBI investiga o desvio de cerca de US$ 15 milhões para contas secretas de Ricardo Teixeira, presidente da entidade brasileira naquele momento.

A operação, segundo o jornal El País, está sendo conduzida depois de investigações por parte da Unidade de Delinquência Econômica e Fiscal da Polícia Nacional e em colaboração com o FBI, nos EUA, que já indiciou Ricardo Teixeira.

A polícia está cumprindo mandados de busca e apreensão em duas casas do Sandro Rosell em Barcelona.