13 coisas que é bom saber antes de viajar pros lençóis maranhenses

Viajar pros Lençóis Maranhenses é o sonho de muitos brasileiros.

Viajar pros Lençóis Maranhenses é o sonho de muitos brasileiros. E não é à toa. É um dos lugares mais bonitos do mundo e que chega a nos emocionar por tamanha beleza. Neste post damos dicas para quem está pensando em viajar para lá. Confira:

DICAS PRA QUEM QUER VIAJAR PROS LENÇÓIS MARANHENSES

NÃO É PERTO DE SÃO LUÍS

Embora muita gente acredite que os Lençóis estejam bem próximos de São Luis, capital do Maranhão, não é bem assim que funciona. Para quem vem de longe, o melhor é realmente pousar no aeroporto de São Luís e depois alugar um carro ou pegar um ônibus até a cidade de Barreirinhas, a mais estruturada para o turismo e que está a 262km da capital. A viagem dura em média 4h. Ainda há a possibilidade de ficar hospedado em Santo Amaro. Dizem que lá a estrutura é menor do que em Barreirinhas, mas que os Lençóis são ainda mais bonitos.

INGRESSOS

Pelo menos por enquanto não é cobrada nenhuma taxa para entrar no Parque Nacional dos Lençóis.

RESERVE MAIS DE DOIS DIAS

Quem quer viajar pros Lençóis Maranhenses deve saber que apenas um dia é muito pouco para explorar a região, além de ser muito corrido, há o risco de pegar o tempo fechado. Portanto, nada de chegar em Barreirinhas hoje e já ir embora amanhã. Faça tudo com calma para poder aproveitar de verdade.

PASSEIO É DIVIDIDO

Os passeios para os Lençóis Maranhenses costumam ser divididos em dois. Geralmente, em um deles você vai para um lado do parque, por exemplo o da Lagoa Bonita, e no outro você segue para o lado da Lagoa Azul. Os passeios aos Lençóis são de meio dia. É possível fazer um de manhã e o outro à tarde, mas o ideal é que se faça um a cada dia.

ACESSO

Quem quer viajar aos Lençóis Maranhenses também deve saber que muitas vezes a escolha das lagoas que serão visitadas naquele determinado dia depende de como está o acesso até lá. Quando estivemos em Barreirinhas, por exemplo, fomos para a Lagoa Bonita, já que o acesso à Lagoa Azul estava muito complicado.

TRILHA LONGA

Falando em acesso complicado, a trilha para chegar aos Lençóis não é das mais tranquilas. Ao contratar o serviço, uma jardineira pega o turista em seu hotel e de lá segue por Barreirinhas até uma balsa. A travessia dura em torno de dez minutos. Depois disso, a trilha começa de vez. Por quase 1h o carro passa por uma estrada de areia cheia de buracos e que chacoalha muito. E quando digo muito é muito mesmo. Se a pessoa costuma passar mal nestas situações, é melhor avaliar bem esta trilha para conseguir aproveitar o passeio.


NÃO ESQUEÇA A ÁGUA E O PROTETOR

Outra dica pra quem quer viajar pros Lençóis Maranhenses é levar água e protetor solar ao passeio. O Parque não possui estrutura para atender esse tipo de necessidade, já que é um parque natural. Logo na chegada, antes de subir para ver as dunas, há algumas barraquinhas que vendem refrigerantes, água e tapiocas, mas depois de subir, não encontramos nada. Na alta temporada é possível que exista alguém vendendo água em determinados locais, mas melhor não contar com a sorte.

NÃO EXISTE SOMBRA

Os passeios costumam ser divididos em meio período cada porque não existe sombra no parque, além da areia clara que deixa o sol ainda mais forte. Por isso, é difícil aguentar passar tantas horas assim por lá. Além disso, prepare-se para andar bastante e ficar muito sujo de areia.

NÃO PERCA O PÔR DO SOL

O que praticamente toda pessoa diz para quem quer viajar pros Lençóis Maranhenses é “Não perca o pôr do sol”. Talvez por isso o ideal seja escolher fazer o passeio depois do almoço. Desta forma, dá para aproveitar as dunas, tirar fotos e depois contemplar um pôr do sol inesquecível.

MELHOR ÉPOCA PARA IR

A época de chuvas vai até o final de maio. Por isso é bom viajar pros Lençóis Maranhenses entre junho e setembro principalmente, que é quando as lagoas atingem os maiores níveis de água sendo junho e julho os melhores os meses. Acompanhe sempre pela internet notícias para saber se choveu bastante e se as lagoas estão cheias ou não. Como tudo depende da natureza, nem sempre está tudo tão perfeito como imaginamos, já que as lagoas são formadas através da água da chuva.

EXISTEM OUTROS PASSEIOS

Além dos Lençóis, existem outras atrações na região, como o passeio pelo Rio Preguiças, passando pelos povoados de Vassouras, famoso pelos macaquinhos, e por Mandacaru, que possui um forte com uma vista linda, além de uma parada em Caburé. Tem também ida a Atins, boia-cross, voo pelos Lençóis e muito mais.

LEVE DINHEIRO

Uma dica importante é não deixar de levar dinheiro vivo para Barreirinhas. Embora muitos lugares aceitem cartão, o sinal de internet não é dos melhores e nas barraquinhas próximas ao Parque, por exemplo, só é possível pagar com dinheiro.

ÁGUAS CRISTALINAS

Quem quer viajar pros Lençóis Maranhenses provavelmente sonha em nadar em suas lagoas. A boa notícia é que dá para nadar sim. A água tem uma cor linda e uma temperatura muito agradável.

 

* O jornalista viajou a convite da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (SECTUR) em parceria com o blog Na Mochila do Chris com apoio da Barreirinhas Adventure, Brisamar Hotel, Gran Lençóis Flat e Gekos Receptivo, mas todas as opiniões dadas aqui são pessoais e isentas.