370 vítimas de incêndio recebem ajuda de Cristiano Ronaldo.

Em seu Instagram, Cristiano Ronaldo postou: "É impossível ficar indiferente a esta tragédia".

O melhor do mundo eleito pela quinta vez na premiação “The Best” no dia 23/10, provou mais uma vez que não é somente craque dentro dos campos, mas que também dá um show quando o assunto é solidariedade.

O jogador utilizou-se das redes sociais para prestar solidariedade as vitimas das séries de incêndios, que tomou enormes proporções devastando 54.000 hectares em Portugal, deixando 41 mortos e dezenas de feridos.

“Impossível ficar indiferente a esta tragédia. Solidário com familiares e amigos das vítimas. Apoio total aos bombeiros que arriscam a vida para ajudar da melhor forma possível”, disse Cristiano em sua rede social.

Porém mais do que simplesmente postar sua mensagem, Cristiano fez, sem qualquer alarde ou divulgação para não atrair olhares da mídia, doações para ajudar vítimas e familiares da tragédia, que segundo o jornal El País, o craque, que nasceu na ilha da Madeira em 1985, financiou com seu próprio dinheiro os cuidados médicos de 370 vítimas do grande incêndio.

Solidariedade não é novidade na vida de Cristiano Ronaldo, pois antes de ajudar as vítimas do incêndio, pouco mais de um mês Cristiano já havia comovido os fãs com o caso de Santiago Flores Moura, uma criança de seis anos que era fã incondicional de Ronaldo e que havia escrito a ele em várias ocasiões, morrer no terremoto do México em setembro, fazendo com que a estrela do Real Madrid subisse uma foto em sua conta do Twitter com uma mensagem para seu “fã número 1, Santiago”.