‘O Brasil de hoje deixou para trás a recessão’, diz Temer na Argentina

Presidente está em Buenos Aires para evento da OMC

O presidente Michel Temer (PMDB) discursou neste domingo (10) na abertura da Conferência Ministerial da OMC (Organização Mundial do Comércio), em Buenos Aires, na Argentina. Durante sua fala, o presidente da República afirmou que o Brasil já superou a recessão.

“O Brasil de hoje deixou para trás a recessão. Nossa economia se recupera, cria postos de trabalho e a produção industrial tem crescido. As taxas de juros recuaram ao seu menor patamar histórico, a inflação é a mais baixa em muitos anos seguidos”, declarou. “Estamos levando adiante uma ambiciosa agenda de reformas para a modernização do Brasil, que envolve necessariamente maior inserção na economia global”, acrescentou.

Temer ainda falou sobre o sistema de comércio praticado pelos países da América Latina. “Ao longo de décadas, construímos um sistema multilateral de comércio que já provou sua utilidade no sistema que se mostra fundamental para facilitar e ampliar o comércio e os investimentos”, avaliou. “Um sistema, enfim, que é fonte de segurança jurídica”, completou.

Em seus aproximados cinco minutos de fala, Temer ainda criticou o protecionismo como uma maneira de defender a economia. “Comércio e investimentos geram crescimento, emprego e prosperidade. A história já nos ensinou que isolamento não é solução. É ilusório pensar que o protecionismo seja caminho sustentável para o desenvolvimento ou para os povos.”

Ainda de acordo com o peemedebista, a OMC ajuda a integrar o comércio entre os países. “O que, de fato, traz desenvolvimento é mais e mais integração. É em nome de mais integração que defendemos a OMC.”

O evento deste domingo (10) contou com a presença de líderes mundiais e Temer foi recebido pelo presidente da Argentina, Maurício Macri.