Dicas para tornar o passeio com o pet mais agradável

Muitas pessoas querem passear com o seu cachorro, mas ele não é calmo por isso reunimos dicas.

Logo quando você adota seu cãozinho já desperta um desejo de passear e se divertir ao ar livre. A empolgação é tamanha, mas por outro lado há o desafio de educar o pet, garantindo que ele não se torne destrutivo ou mimado demais. E mais difícil que ensinar as regras do lar, é lidar com seu amigão na rua.

Mesmo quando o quintal for grande é preciso levar para passear, manter o cachorro no mesmo ambiente sempre pode resultar em problemas sérios de saúde como depressão, obesidade, artrite e hiperatividade. Eles “enxergam” o mundo através do olfato, assim sair na rua significa ter acesso a uma infinidade de cheiros, uma vida diversificada.

Veja mais: Cães são a melhor companhia para atividades física

Além de passeios regulares e com tempo é bom ter cuidados especiais, por isso separamos algumas dicas:

cachorro segurando coleira

Uso da coleira

Por mais comportado e obediente que seja o seu pet, o uso da coleira é indispensável, porque a rua oferece diversos riscos envolvendo não só acidentes de trânsito, mas também com outros cachorros. Lembre-se que animais são imprevisíveis e eles não têm consciência dos perigos do mundo lá fora.

É fundamental que ele se acostume a usar a coleira, não deixe ela muito frouxa ou justa demais, causando desconforto. Aproveite e coloquei uma placa de identificação, com seu nome e telefone para contato. Então escolha uma coleira peitoral que se se encaixe perfeitamente no porte do seu animal e treine dentro de casa. Inicie colocando aos poucos e observando como ele se comporta.

mulher andando com cachorro

Horários de passeio

Evite sair com seu amigão nos horários que o sol está mais quente, entre 11h e 15h, além do calor excessivo o asfalto costuma ficar quente e pode queimar as patinhas do seu pet, principalmente no verão. O ideal é ir bem cedo ou ao anoitecer.

Mochila de emergência

Não se esqueça de levar água e petiscos, os lanchinhos podem servir de agrado para o bom comportamento e recompensas durante um comando ou brincadeiras, se o seu amigão costuma sentir muita sede leve uma garrafa grande. Não se esqueça de levar a sacolinha, deixar o coco do seu pet no parque é falta de educação e nada higiênico, se for preciso deixe um recado no seu celular para não esquecer.

cachorro brincando

Brincar entre amigos

Mesmo que seu cão esteja rodeado de pessoas o dia todo é importante deixa-lo “conversar” com os animais de sua espécie, quando eles se cheiram trocam informações e instintos, mas fique atento, antes de deixar seu cão próximo de outros cães, observe se o cachorro não é agressivo, se está bem preso na guia.

Agora é só correr para diversão!