Como facilitar a vida e evitar o desperdício de alimentos morando sozinho

Com algumas dicas simples, o dia-a-dia fica mais fácil e econômico

Fique atento ao rendimento das receitas

Quando for seguir alguma receita, procure saber os detalhes, como por exemplo, em quanto tempo fica pronto e quantas porções irá render. É claro que nem sempre a informação é correta, mas dá para fazer os cálculos: se a receita render quatro porções, por exemplo, basta dividir por 4 a quantidade dos ingredientes e você poderá preparar apenas uma porção.

Se sobrar, congele

Quem mora sozinho sabe que o congelador ou freezer é um grande aliado, mas é importante preparar a quantidade certa de alimento para durar toda semana para não ter que cozinhar novamente e nem ter que jogar comida fora. Procure fazer um planejamento de seu cardápio semanal e preparar suas porções na quantidade ideal para semana, dessa forma evita o desperdício de alimentos e ainda economiza no fim do mês.

Calcule as quantidades pelos dias exatos

Sim isso pode gerar um pouco mais de trabalho, porém, é garantia de que será de grande ajuda no tempo e orçamento. O segredo para não faltar nem sobrar comida é planejar quantas refeições será feita em casa durante a semana. Por exemplo: se passa o dia todo no trabalho, é possível que não almoce em casa ou que leve marmita. Por isso é bom calcular as refeições que fará em casa e as que poderá levar ou comprar fora.

Substitua a xícara

Essa parece uma dica boba, porém, ela evita desperdício. Isso porque essa quantidade dá para aproximadamente três pessoas comerem bem, considerando que ninguém come só arroz. A boa notícia é que sim, o arroz também pode ser congelado, porém é melhor fresquinho, então o melhor é reduzir a porção se for cozinhar apenas para você.

Use saquinhos de porções individuais

Esses saquinhos podem ser usados tanto para o arroz quanto para as carnes, saladas e legumes. Dessa forma, em vez de deixar as coisas “mofando” na sua despensa ou esquecidas na geladeira, você irá cozinhar apenas o que for consumir ao longo dos dias.

Divida as porções

Alimentos que não estão preparados também podem ser separados em porções. Use sacos plásticos que podem ir ao congelador separando porções para os dias que você precisar. Arroz, feijão, legumes, frango, carne, entre outros alimentos.

Novas descobertas

Você vai precisar fazer várias tentativas até descobrir a forma correta de preparar suas porções, por mais que busque variar as dicas, você só vai se descobrir o certo com novas tentativas.

O cálculo de carne por pessoa é de 200g

Isso só muda se você estiver em uma dieta rica em proteínas, ou possui o costume de comer uma quantidade maior que essa. Caso contrário 200 gramas é o suficiente por refeição. Sabendo a quantidade que consome por refeição fica mais fácil saber a quantidade de carne que deverá comprar para a semana.

Fuja das promoções “leve 2, pague 1”

Isso pode até parecer uma forma de economizar, e às vezes funciona quando se trata de produto não perecível. Mas no caso de alimentos perecíveis, não é bom levar uma grande quantidade apenas para uma pessoa, pois certamente irá estragar antes que consuma tudo.

Siga a indicação da cafeteira 

Se o café está sendo preparado apenas para você, não é o ideal fazer a cafeteira cheia apenas para jogar o resto no lixo. Normalmente as cafeteiras possuem indicações de quantas xícaras a pessoa deseja preparar, nossa dica é colocar água o suficiente apenas para duas xícaras usando apenas três colheres de pó de café.